ATUALIDADES 02/03/2018 - 15:15 - Jocyelma Santana - Jornalista PGE/TO

Candidatos estão na contagem regressiva para o concurso da PGE/TO

Nicole Barbosa é de Manaus e já está em Palmas para o certame Nicole Barbosa é de Manaus e já está em Palmas para o certame - Arquivo pessoal
Cristiniano Júnior é um dos tocantinenses inscritos Cristiniano Júnior é um dos tocantinenses inscritos - Jocyelma Santana - Jornalista PGE/TO
Aliny Almeida está otimista com a primeira fase Aliny Almeida está otimista com a primeira fase - Arquivo pessoal

Candidatos de todo o Brasil já estão chegando em Palmas(TO) para o 3º Concurso Público de Provas e Títulos para provimento de cargos na Carreira de Procurador do Estado do Tocantins(PGE/TO). A primeira fase do certame será neste domingo, 4, com a aplicação de provas objetivas pela Fundação Carlos Chagas(FCC). São 5.810 inscritos, destes 176 se declararam com limitações físicas e 28 informaram restrição em virtude de crença religiosa. 

Nicole Barbosa veio de Manaus(AM) atraída pelas vantagens apresentadas pela carreira de procurador do Estado do Tocantins. Não é o primeiro concurso que ela faz para esta área. "Fiz PGE(Procurador Geral do Estado) Mato Grosso, fiz PGM(Procurador Geral do Município) Fortaleza, estou aí tentando, acabei de vir de Belo Horizonte, onde fiz concurso".  Nicole também já fez outras provas elaboradas pela Fundação Carlos Chagas. Para a primeira fase no domingo, a candidata manauara investiu em resolução de questões elaboradas pela FCC. Para ela, o mais difícil desta banca " é a extensão das questões, bem grandes em conteúdo, é preciso ler bastante para interpretar", disse. 

O candidato Cristiniano Júnior  decidiu fazer o concurso porque considera "uma carreira brilhante". Ele também vive a expectativa "de que transcorra tudo da melhor forma possível e que possamos alcançar nossos objetivos". Júnior se formou em Direito no Centro Universitário Candido Rondon(Unirondon), em Cuiabá(MT), em 2004, mas é tocantinense de Gurupi.  E otimista, destaca que "quem faz concurso não pode desistir. Tem que seguir e perseguir os seus sonhos".

Persistência também demonstra a candidata Aliny Almeida, que já fez outras provas para procurador do Estado, em 2017. Uma delas, a da Procuradoria Geral do Estado do Maranhão. Segundo Aliny, a expectativa para as provas de domingo é muito boa. "Estou feliz com a oportunidade e confiante que vai dar tudo certo". A candidata tocantinense de Araguaína, formou-se em Direito na Unitins, na cidade de Colinas do Tocantins, em 2001. 

Para evitar transtornos, a Fundação Carlos Chagas orientou os candidatos para que estejam nos cinco locais de provas às 8h. Os portões serão fechados às 8h30. A primeira fase terá cinco horas de duração  e consistirá de prova objetiva, de caráter classificatório e habilitatório, com 100 questões objetivas de múltipla escolha, com cinco alternativas cada uma. 

Locais de provas: 

1. Universidade Federal do Tocantins - 109 Norte, Av. NS 15 - Plano Diretor Norte

2. FAPAL - Faculdade de Palmas - 402 Sul, Conj 2 - Lotes 7/8 - Plano Diretor Sul

3. Colégio Marista de Palmas - 110 Sul, Alameda 23, Lotes 2/4 - Plano Diretor Sul

4. Centro de Ensino Médio Santa Rita de Cássia - Rua Minas Gerais, APE-SE, 01, s/n - Jardim Aureny I

5. Escola Estadual Maria dos Reis Alves Barros - Quadra T21, APM 48, Jardim Taquari